+A  | -A  |  

Fundação Wall Ferraz oferta curso de primeiros socorros em Teresina

Ter noções básicas de primeiros socorros é um conhecimento tão importante que, para muita gente, deveria ter ensino obrigatório instituído por lei em todas as escolas do país. Saber prestar os primeiros atendimentos a alguém incapacitado pode significar a diferença entre a vida e a morte ou ainda evitar uma sequela mais grave ou amputação que incapacite a vítima.

Nos últimos meses tem aumentado bastante a procura por cursos nessa área e a Fundação Wall Ferraz (FWF) decidiu oferecer mais um curso de “Primeiros Socorros – Noções Básicas” para a população de Teresina. O curso, que está sendo ministrado no Centro de Capacitação da FWF, no bairro Vermelha, desde o último dia 08/11 e vai até o dia 24/11, tem carga horária de 35 horas, com aulas de segunda a sexta-feira, no horário de 18h às 21h, com participação de 15 alunos.

Segundo a Fundação, o perfil dos alunos que estão fazendo o curso é bem variado, incluindo, técnicos de enfermagem, técnicos em segurança do trabalho, técnicos de informática, enfermeiros, estudantes de enfermagem e do ensino médio, além de pessoas sem nenhuma formação acadêmica.

“Estamos capacitando os alunos para realização de procedimentos de primeiros socorros em situações de urgência e emergência. Essas técnicas são tão importantes porque em uma situação que a vítima esteja num quadro de risco é possível evitar que o estado de saúde dela se agrave ainda mais”, explica a enfermeira Neusenildes Sena, instrutora do curso.

Os primeiros socorros são técnicas iniciais de atendimento a vítimas de qualquer natureza com o objetivo de minimizar, estancar, imobilizar ou reverter sinistros relacionados à saúde e integridade física dessas pessoas. “O curso tem uma riqueza de conteúdo muito grande. A gente trabalha desde a situação de chegada ao local do acidente, passando pela análise de risco e avaliação primária e secundária da vítima. Em relação aos procedimentos, a gente ensina as técnicas de respiração cardiopulmonar, bio segurança, afogamento, fratura e desobstrução de vias aéreas”, enumera a instrutora.

“Há diversas formas de aprender a salvar vidas mesmo não sendo um médico, enfermeiro ou técnico da área da saúde. Com os cursos de primeiros socorros oferecidos pela fundação estamos capacitando pessoas sobre como proceder para socorrer vítimas nos acidentes mais comuns, visando à preservação da vida e a integridade do socorrido até a chegada de serviço especializado. No final do curso, todos os alunos são certificados”, ressalta Maykon Silva, presidente da FWF.